Fantasmas

Histórias de Fantasmas Verdadeiros
para Crianças

Em pós produção

Obra seriada de documentário, destinada ao público infantil, sobre a ditadura militar na América Latina, notadamente o Brasil.

Cada episódio aposta na narrativa de um personagem que carrega consigo marcas indissolúveis sobre histórias vividas no período e narrativas sobre entes desaparecidos. O narrador contará como quem conta a um neto ainda criança o que aconteceu com aquele que ocupa os porta-retratos da casa, em imagens que atravessam o tempo e o espaço – apesar de ter suas legendas comumente silenciadas.

São fotografias em papel, imagens exangues que, pela curiosidade infantil, saem de seu tempo no passado para alcançar o presente e transformá-lo, à medida que histórias escondidas ou veladas vão sendo compartilhadas entre adultos e crianças e, nesse gesto, melhor entendidas. A partir dessas histórias, pai e filho, ou avô e neto, vão discorrer sobre quem está nas fotos, e o que lhe aconteceu para que tenha desaparecido de suas vidas.

Gênero: Documentário

Formato: Série

Produção: Bebinho Salgado 45 e Jaraguá Produções 

Diretora e Roteirista: Mariana Lacerda

Projeto integrante da carteira de projetos da Cinemascópio Produções, aprovado no edital de Núcleos Criativos (FSA, Prodav 03/2014) . 

 

Aprovado para a produção de quatro episódios no edital Funcultura Audiovisual - Pernambuco - com complementação pelo Fundo Setorial do Audiovisual. 

equipe

_

Mariana Lacerda

Roteirista e Diretora

Documentarista, formada em jornalismo, é mestre em História da Ciência pela PUC-SP. Escreveu e dirigiu os filmes de curta duração Menino-aranha (2008/2009), A Vida Noturna das Igrejas de Olinda (2012), Pausas Silenciosas (2013), Baleia Magic Park (2015) e Deserto (2016, apara Aparelhamento, Ocupação Funarte/SP), vencedores de alguns prêmios interessantes (melhor diretora estreante no fest int de curtas-metragens de São Paulo) e exibidos em festivais do Brasil, França, México, Lituânia e Portugal. Roteirista e diretora de quatro episódios das séries documentais para TV Expresso (Cine Brasil TV), e de um episódio de República da Poesia (Canal Curta, episódio Pagu, Musa Medusa), ambas com direção geral de Hilton Lacerda. Autora do livro Olinda (Bebinho Salgado 45/Cinemascópio 2015). Também dirigiu e escreveu o longa-metragem Gyuri.

Bebinho Salgado 45

Co-produção

A Bebinho Salgado 45 foi criada em 9 de dezembro de 2013, pelos irmãos Mariana Lacerda, Flávia Lacerda e Marcelo Lacerda. Todos os três têm em comum o fato de trabalharem em produções em audiovisual e cinema. A produtora realizou as produções: Nosso amor vai embora, curta-metragem, o documentário Evitável (2019) de Julia Morin para Selo Fiocruz, o documentário Gyuri, conduziu a pesquisa histórica do projeto Várzea – meu bairro meu patrimônio.

© 2021 Jaraguá Produções

Recife/PE - Brasil

Histórias de Fantasmas Verdadeiros
para Crianças

Em pós produção

Obra seriada de documentário, destinada ao público infantil, sobre a ditadura militar na América Latina, notadamente o Brasil.

Cada episódio aposta na narrativa de um personagem que carrega consigo marcas indissolúveis sobre histórias vividas no período e narrativas sobre entes desaparecidos. O narrador contará como quem conta a um neto ainda criança o que aconteceu com aquele que ocupa os porta-retratos da casa, em imagens que atravessam o tempo e o espaço – apesar de ter suas legendas comumente silenciadas.

São fotografias em papel, imagens exangues que, pela curiosidade infantil, saem de seu tempo no passado para alcançar o presente e transformá-lo, à medida que histórias escondidas ou veladas vão sendo compartilhadas entre adultos e crianças e, nesse gesto, melhor entendidas. A partir dessas histórias, pai e filho, ou avô e neto, vão discorrer sobre quem está nas fotos, e o que lhe aconteceu para que tenha desaparecido de suas vidas.

Gênero: Documentário

Formato: Série

Produção: Bebinho Salgado 45 e Jaraguá Produções 

Diretora e Roteirista: Mariana Lacerda

Projeto integrante da carteira de projetos da Cinemascópio Produções, aprovado no edital de Núcleos Criativos (FSA, Prodav 03/2014) . 

 

Aprovado para a produção de quatro episódios no edital Funcultura Audiovisual - Pernambuco - com complementação pelo Fundo Setorial do Audiovisual. 

equipe

_

Mariana Lacerda

Roteirista e Diretora

Documentarista, formada em jornalismo, é mestre em História da Ciência pela PUC-SP. Escreveu e dirigiu os filmes de curta duração Menino-aranha (2008/2009), A Vida Noturna das Igrejas de Olinda (2012), Pausas Silenciosas (2013), Baleia Magic Park (2015) e Deserto (2016, apara Aparelhamento, Ocupação Funarte/SP), vencedores de alguns prêmios interessantes (melhor diretora estreante no fest int de curtas-metragens de São Paulo) e exibidos em festivais do Brasil, França, México, Lituânia e Portugal. Roteirista e diretora de quatro episódios das séries documentais para TV Expresso (Cine Brasil TV), e de um episódio de República da Poesia (Canal Curta, episódio Pagu, Musa Medusa), ambas com direção geral de Hilton Lacerda. Autora do livro Olinda (Bebinho Salgado 45/Cinemascópio 2015). Também dirigiu e escreveu o longa-metragem Gyuri.

Bebinho Salgado 45

Co-produção

A Bebinho Salgado 45 foi criada em 9 de dezembro de 2013, pelos irmãos Mariana Lacerda, Flávia Lacerda e Marcelo Lacerda. Todos os três têm em comum o fato de trabalharem em produções em audiovisual e cinema. A produtora realizou as produções: Nosso amor vai embora, curta-metragem, o documentário Evitável (2019) de Julia Morin para Selo Fiocruz, o documentário Gyuri, conduziu a pesquisa histórica do projeto Várzea – meu bairro meu patrimônio.

© 2021 Jaraguá Produções

Recife/PE - Brasil

Histórias de Fantasmas Verdadeiros
para Crianças

Em pós produção

Obra seriada de documentário, destinada ao público infantil, sobre a ditadura militar na América Latina, notadamente o Brasil.

Cada episódio aposta na narrativa de um personagem que carrega consigo marcas indissolúveis sobre histórias vividas no período e narrativas sobre entes desaparecidos. O narrador contará como quem conta a um neto ainda criança o que aconteceu com aquele que ocupa os porta-retratos da casa, em imagens que atravessam o tempo e o espaço – apesar de ter suas legendas comumente silenciadas.

São fotografias em papel, imagens exangues que, pela curiosidade infantil, saem de seu tempo no passado para alcançar o presente e transformá-lo, à medida que histórias escondidas ou veladas vão sendo compartilhadas entre adultos e crianças e, nesse gesto, melhor entendidas. A partir dessas histórias, pai e filho, ou avô e neto, vão discorrer sobre quem está nas fotos, e o que lhe aconteceu para que tenha desaparecido de suas vidas.

Gênero: Documentário

Formato: Série

Produção: Bebinho Salgado 45 e Jaraguá Produções 

Diretora e Roteirista: Mariana Lacerda

Projeto integrante da carteira de projetos da Cinemascópio Produções, aprovado no edital de Núcleos Criativos (FSA, Prodav 03/2014) . 

 

Aprovado para a produção de quatro episódios no edital Funcultura Audiovisual - Pernambuco - com complementação pelo Fundo Setorial do Audiovisual. 

equipe

_

Mariana Lacerda

Roteirista e Diretora

Documentarista, formada em jornalismo, é mestre em História da Ciência pela PUC-SP. Escreveu e dirigiu os filmes de curta duração Menino-aranha (2008/2009), A Vida Noturna das Igrejas de Olinda (2012), Pausas Silenciosas (2013), Baleia Magic Park (2015) e Deserto (2016, apara Aparelhamento, Ocupação Funarte/SP), vencedores de alguns prêmios interessantes (melhor diretora estreante no fest int de curtas-metragens de São Paulo) e exibidos em festivais do Brasil, França, México, Lituânia e Portugal. Roteirista e diretora de quatro episódios das séries documentais para TV Expresso (Cine Brasil TV), e de um episódio de República da Poesia (Canal Curta, episódio Pagu, Musa Medusa), ambas com direção geral de Hilton Lacerda. Autora do livro Olinda (Bebinho Salgado 45/Cinemascópio 2015). Também dirigiu e escreveu o longa-metragem Gyuri.

Bebinho Salgado 45

Co-produção

A Bebinho Salgado 45 foi criada em 9 de dezembro de 2013, pelos irmãos Mariana Lacerda, Flávia Lacerda e Marcelo Lacerda. Todos os três têm em comum o fato de trabalharem em produções em audiovisual e cinema. A produtora realizou as produções: Nosso amor vai embora, curta-metragem, o documentário Evitável (2019) de Julia Morin para Selo Fiocruz, o documentário Gyuri, conduziu a pesquisa histórica do projeto Várzea – meu bairro meu patrimônio.

© 2021 Jaraguá Produções

Recife/PE - Brasil